Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Ninita's

Quem sou eu? Simples, sou uma pessoa normal, que vive numa pequena cidade normal. Sou brincalhona, divertida, trabalhadora e muito simples. Na pratica, sou igual a todas as outras pessoas deste mundo. Bem Vindos a este "meu mundo virtual".

Ninita's

Quem sou eu? Simples, sou uma pessoa normal, que vive numa pequena cidade normal. Sou brincalhona, divertida, trabalhadora e muito simples. Na pratica, sou igual a todas as outras pessoas deste mundo. Bem Vindos a este "meu mundo virtual".

06.03.20

Só para ti, seu resmungão !!!!!!!!

Ninita

 

Todos nós, temos esta ou aquela pessoa, com quem falamos de tudo e que sabemos, que se precisarmos, podemos ligar seja as 17h, seja as 5h da manha.

 

Quando estamos mais em baixo e precisamos de alguem que tenha uma perspectiva completamente diferente da nossa e que sabemos que se precisarmos de levar 1 abanão, essa pessoa vai la estar, para o der e vier.

 

Eu considero-me 1 sortuda, porque tenho 1 pessoa assim.

Curiosamente é um Homem, com um H enorme, que passou tantas mas tantas dificuldades na vida e que sempre as conseguiu ultrapassar, com 1 sorriso na cara.

Somos amigos á tantos anos, que já nem me lembro como nos conhecemos. Mas sei que sempre esteve e está la para mim. E eu, sempre estou lá para ele.

 

Somos ambos casados, temos ambos a nossa vida. Mas isso em anda interfere com a nossa amizade. Os nossos companheiros sabem da nossa amizade e apesar de ter sido dificil para eles percebe-la, chegaram a conclusão que somos amigos verdadeiros, quase como irmãos e que nada, mas mesmo nada, nos consegue separar. E nenhum deles tem ciumes desta nossa relação. Porque é apenas amizade, daquela verdadeira, que já pouco existe neste mundo.

 

Ele sabe perfeitamente, que se precisar de alguma coisa, as 02h da manha e me ligar, eu atendo e ajudo. Da mesma maneira, que se eu precisar de alguma coisa, ele está lá. E dá-me outra visão para o meu "problema". E falamos. Falamos e falamos muito.

 

E depois ha alturas, em que nem nos vemos, nem nos telefonamos. Mas, sabemos perfeitamente que o outro está lá, para o que der e vier.

 

E hoje, isto é para ti (mesmo tu nao lendo o blog), de uma forma muito simples e sentida :

 

Obrigado por estares ai !

 

Nota : Mas da proxima vez que me ligares as 03h, a dizer que ficaste sem combustivel e que nao queres acordar a R*, eu levo-te a gasolina e um fosforo para a acenderes, sim??

 

 

05.03.20

Ou sim ou sopas

Ninita

 

O mes de Fevereiro passou muito devagar.

 

Os dias não andavam. Arrastavam-se e pareciam que nunca mais chegavam ao fim.

 

Apesar de ser um mes curto, parecia interminavel.

 

Desde que o maridão se foi embora, logo n o inicio de mes, fiz muitas contas. Contas para a frente, contas para tras. E esperei. Esperei ansiosamente, sem saber se iria ficar triste ou contente.

 

Entretanto, os dias passaram. E fiquei triste. E aliviada.

Mas no fim, nem sei bem como fiquei. Acho que ganhei uma esperança nas contas e mais contas que fiz, e depois foi tudo por agua abaixo.

 

E agora? Deixei de fazer contas. Deixei de contar. Quando e se tiver de acontecer alguma coisa, não quero ficar triste, nem aliviada. Nessa altura, logo se ve. Ou sim ou sopas. Ou sim, ou não. Acabaram-se os "talvez".

Acabou-se a contagem.

 

O que tiver de ser, será.

 

 

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Blog Portugal

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D